1º passo para coleta seletiva - lixo seco e lixo úmido

Ilustração à lápis contendo duas latas de lixo, a primeira para lixo úmido e a segunda para lixo seco.

A separação de resíduos começa em nossas casas. Ela serve para separar o lixo úmido do seco.

8 bilhões no lixo. Descarte incorreto de resíduos no Brasil

Foi lançado em 29 de Outubro o novo estudo, do Compromisso Empresarial para Reciclagem (CEMPRE), sobre a reciclagem de embalagens pós-consumo no Brasil.

Dentre as considerações mais importantes do CEMPRE Review 2013 estão:

Programa Crescer

O programa Crescer oferece redução dos juros, que passam a ser de 8% ao ano, e diminuição da taxa de Abertura de Crédito (TAC), de 1% sobre o valor financiado. Também é direcionado para microempreendedores individuais (MEI), com faturamento de até R$ 120 mil anuais.

Horta Suspensa com Garrafas PET

Foto de garrafa PET presa na parede contendo um pé de alface.

A garrafa PET é uma invenção que deu certo em termos econômicos, mas vem trazendo uma dor de cabeça quando pensamos na enorme degradação do Meio Ambiente causada por ela.

5 maneiras de fazer artesanato com jornal

Três descansos de prato nas cores verde, amarelo e rosa, todos feitos de jornal

Os jornais são itens que possuem sua funcionalidade original por um período de tempo muito curto. Eles são atuais por apenas um dia e depois são descartados. No entanto, esse papel pode ser usado como matéria-prima para diferentes tipos de artesanatos.

"LIXO" é matéria prima fora do lugar!

Reciclagem é o resultado de uma série de atividades através das quais materiais que se tornariam lixo, ou estão no lixo, são desviados, sendo coletados, separados e processados para serem usados como matéria-prima na manufatura de outros bens, feitos anteriormente apenas com matéria-prima virgem.

Prêmio Cidade Pró-Catador

Prêmio Cidade Pró-Catador para reconhecer boas práticas de inclusão dos catadores de materiais recicláveis

Investimento de 200 milhões para capacitação de catadores

O governo anunciou a liberação de R$ 200 milhões para capacitar cooperativas e associações de catadores de lixo em todo o País. Os recursos são destinados à terceira etapa do programa Cataforte - Negócios Sustentáveis em Redes Solidárias e servirão para ações que permitam a inserção de cooperativas no mercado da reciclagem. Poderá ser usado para dotar as cooperativas e associações de equipamentos e capacitá-los para gestão, para que possam prestar serviços de coleta seletiva para prefeituras e participar no mercado de logística reversa.

Subscrever RECO – Reconstrução Coletiva RSS